Os indicadores de RH, como todos os demais, devem estar alinhados ao negócio e sua estratégia, como testemunha Vanessa Fontoura Miranda, diretora de recursos humanos do Grupo SBF, que administra as redes de lojas de material esportivo Centauro e Nike Store: “Temos indicadores para medição da rotatividade, treinamento, plano de sucessão, absenteísmo e todos eles alinhados ao planejamento estratégico para até 2016, pois é um período em que a empresa será impactada pelos dois principais eventos esportivos que acontecerão no país, a Copa do Mundo e as Olimpíadas”.

Fonte: Revista Melhor: gestão de pessoas. Ano 21, n° 310, setembro 2013. p. 96.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Please leave these two fields as-is:

Protected by Invisible Defender. Showed 403 to 186.015 bad guys.