Média versus Mediana

Imagem pelo autor

A mediana corresponde a observação do meio de um conjunto ordenado de dados, de forma que exista um número igual de observações maiores e menores que ela. Como consequência, não é afetada por dados excepcionalmente altos ou baixos.

A média aritmética, usualmente chamada apenas de “média”, por outro lado, soma todos os pontos de dados e divide pelo número de pontos de dados para determinar o valor “normal”.  Assim, a média pode ser bastante influenciada por dados excepcionalmente altos ou baixos.

Veja a diferença se, por exemplo, você tiver 100 pontos de dados, onde 97 deles são 100 e os três últimos valores são 1.000,  10.000 e 100.000,  que seriam dados extremos:

 ● Mediana = 100

 ● Média aritmética = 1.207

Essa é uma discrepância bastante grande entre as duas estatísticas que indicam o ponto central dos dados. Então, devemos ser cuidadosos na escolha para a publicação e análise dos dados.

A vantagem da mediana, em relação à média, é que a mediana geralmente representa melhor o valor típico da amostra, pois não é distorcida por valores extremamente altos ou baixos. Portanto, nas comparações, de modo geral é melhor usar a mediana. Entretanto, o ideal é que a decisão seja tomada depois de observar a distribuição dos dados.

Nota: Quando um texto em inglês usa o termo “average”, pode estar se referindo à média, à mediana ou à moda, três conceitos de valor central bastante diferente. É preciso cuidado. – Darrel Huff

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Please leave these two fields as-is:

Protected by Invisible Defender. Showed 403 to 94.884 bad guys.