Curiosidades sobre a temperatura no ambiente de trabalho

Estudos realizados por Winslow, nos EUA, comprovaram o seguinte:

  • Para o trabalho físico, o aumento da temperatura ambiente de 20°C para 24°C diminui o rendimento em 15%.
  • A 30°C de temperatura ambiente, com umidade relativa de 80%, o rendimento cai 28%.
  • Observações feitas em minas de carvão na Inglaterra mostraram que o mineiro rende 41% menos quando a temperatura efetiva é de 27° C, em relação à temperatura de 19°C.
  • A ocorrência de acidentes do trabalho aumenta em até 40% quando a temperatura se eleva em 10°C acima do nível de conforto.

Estudos feitos para habitantes de climas tropicais, portanto aplicáveis ao Brasil, em suas regiões quentes e úmidas, concluiu que a temperatura de conforto nestas condições seria de 25,5 °C. A metodologia utilizada foi a p4SR (Previsão de suor em 4 horas, que é um índice fisiológico desenvolvido por McArdle, do Royal Naval Research Establishment).

Fonte: Alves, Lauro. Fábricas doentes. Revista O Papel. Março 2004. pp. 69-73.

Nota: Este texto foi originalmente publicado no LinkedIn em 12.12.19.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Please leave these two fields as-is:

Protected by Invisible Defender. Showed 403 to 186.525 bad guys.